Josiane Psicóloga e Psicanalista​​



Volta às Aulas

Todo começo de ano é muito comum recebermos na clínica pais com dificuldades de levar seus filhos à escola, desde os pequeninos até os adolescentes.

O que percebo como fator mais comum com as crianças pequenas é a insegurança em se separarem das mães.

Infelizmente, muitas mães, por não quererem passar por esse estresse no portão da escola, pedem para a babá ou um parente próximo levarem a criança à escola.

Isso é muito ruim para a criança pois, se ela está com problemas de separação, não adianta a mãe se afastar ainda mais, a mãe precisa é estar perto e reassegurar essa criança.

O reasseguramento implica em conversar com essa criança: “Mamãe vai te levar para a escola, mas não se preocupe pois voltarei para lhe buscar”, e voltar realmente, não mandar outra pessoa no lugar, pois sua criança acreditou no que você disse e vai lhe esperar. Se você diz que vai ficar do lado de fora da escola enquanto a criança estiver em aula, então fique realmente, não fale isso só para acalmar sua criança. Ela acredita piamente em você.

A mãe que promete e não cumpre gera uma série de inseguranças e medos na criança.

O importante é você falar e cumprir e ter em mente que o problema não é a criança se separar de você, o problema é não cumprir o combinado com ela.

A separação é dolorida para a criança, mas o reencontro com a mãe ou com o pai (conforme combinarem), alivia todas as dores da separação pois, voltar, e voltar na hora certa, ajuda a criança a suportar a separação.